Olá! Seja bem vindo ao nosso site. 

 17 de Julho de 2018

   Mineiro Dênis Macedo, de 28 anos, é acusado de provocar a

 

 

morte de três integrantes de uma família e de deixar uma vítima em estado grave após um acidente automobilístico no condado de San Mateo, na Califórnia (EUA).

 

 
O acidente aconteceu no sábado, quando ele voltava de uma confraternização com amigos em uma pizzaria, após uma partida de futebol. No local, o jovem teria bebido cerveja, antes de retornar para casa em sua BMW.
 
No caminho, o veículo bateu na traseira de um carro estacionado e arrancou em alta velocidade. Preocupado em fugir do tráfego por causa da colisão, realizou manobra arriscada e acertou a 100 km/h um carro que saía da garagem.
 
Josefa Acevedo, de 50 anos, e os filhos, Amado, de 23, e Josue, de 15 anos, morreram na hora. A namorada de Amado, Sarah Sangraw, foi levada para o hospital em estado grave, onde permanece após ter passado por oito cirurgias. A família ia ao cinema.
 
Um exame revelou que Dênis tinha 0,18% de álcool no sangue, mais do que o dobro permitido pela legislação da Califórnia: 0,08%. O estado não utiliza bafômetros. Esta não é a primeira vez que ele se envolve em um acidente. 
 
Há dois anos, chegou a ficar três dias detido por causa de uma colisão de menor porte, que não teve vítimas fatais. Desta vez, o brasileiro pode pegar até 16 anos de prisão e responderá pelas mortes, pelo crime de omissão de socorro e por dirigir embriagado.
 
 
Fonte: Folhadoes.com.br/com informações Portal Terra

Últimas Notícias

TV IOL- Canal Livre

Divirta-se

MONTE O MAPA DO BRASIL

Colunistas

Destaques






 


Previsão do Tempo

Dicas das Estradas

Parceiros do IOL