Olá! Seja bem vindo ao nosso site. 

 14 de Agosto de 2018

Um novo aparelho vai identificar a presença de álcool no ar, os chamados, 'bafômetros passivos'. De acordo com informações passadas pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), o novo aparelho vai acusar a presença de álcool a uma distância de 20 a 30 centímetros sem precisar soprar o etilômetro, o aparelho que os motoristas sopram para ver se ingeriram alguma bebida alcoólica.

 

Na blitz, o agente de trânsito se aproxima do carro e coloca o aparelho a uma distância de 20 a 30 centímetros do motorista, que não precisa soprar. O etilômetro passivo capta a presença de álcool no ar.

 

Se acender a luz verde é porque não há álcool no ambiente. A luz amarela indica que pode haver álcool. E a vermelha aponta que o motorista bebeu. Quando uma das luzes aponta presença de álcool, o motorista é convidado a sair do carro e fazer o teste tradicional.

 

O aparelho deve chegar no estado em até 30 dias. Serão 25 equipamentos. Outra novidade do aparelho é que ele permite a realização de até 5 mil testes de uma só vez, enquanto com o atual, só é possível fazer até 400.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

*Com informações Folha Vitória/Redação IOL

Últimas Notícias

TV IOL- Canal Livre

Divirta-se

MONTE O MAPA DO BRASIL

Colunistas

Destaques






Previsão do Tempo

Dicas das Estradas

Parceiros do IOL