Olá! Seja bem vindo ao nosso site. 

 14 de Agosto de 2018

Vitória: A praça Costa Pereira, no Centro Histórico de Vitória, teve uma nova atração na manhã desta quarta-feira (16). É que a Prefeitura de Vitória promoveu a apresentação do ônibus panorâmico de turismo, que possui a parte superior aberta para os passageiros terem uma visão privilegiada e ampla da cidade.

 

O serviço de city tour terá início no feriadão de Corpus Christi e passará pelas seguintes atrações: Escola de Ciência - Biologia e História, Basílica de Santo Antônio, Palácio Anchieta, Catedral Metropolitana, Theatro Carlos Gomes, Praça do Papa, Curva da Jurema, Monumento Vitória 360° e praia de Camburi. O veículo tem 49 lugares disponíveis, inclusive para idosos, gestantes e pessoas com mobilidade reduzida.

 

A saída e a chegada do passeio ocorrerão no primeiro bolsão de estacionamento da praia de Camburi (na altura do píer de Iemanjá). O valor do bilhete e o horário de operação ainda estão sendo definidos pela empresa prestadora do serviço. A tarifa ficará próxima ao preço praticado em outras capitais e cidades que já oferecem o ônibus turístico.

 

 

Curitiba (PR), Porto Alegre e Gramado (RS), Salvador (BA), Rio de Janeiro (RJ) e Florianópolis (SC) já oferecem esse tipo de passeio. A iniciativa conta com investimento 100% privado, sem uso do dinheiro público.

 

Vocação

 

O prefeito de Vitória, Luciano Rezende, destacou que o ônibus panorâmico vai dar mais conforto às milhares de pessoas que vêm a Vitória como destino turístico, fazendo com que os visitantes se encantem com a capital por um outro ângulo, a partir de veículo aberto, confortável e panorâmico.

 

"A vocação de Vitória é o turismo. Agora, os visitantes poderão confirmar como é linda a nossa cidade vista de um ônibus panorâmico, que vai encantar certamente os turistas, inclusive, fazendo em breve a travessia da Terceira Ponte, indo para o Convento da Penha, integrando assim a Região Metropolitana", apontou o prefeito.

 

 

Desenvolvimento do setor

 

Para o presidente da Companhia de Desenvolvimento, Inovação e Turismo de Vitória (CDV), Leonardo Krohling, a capital tem colecionado novos produtos turísticos, e o ônibus panorâmico é mais uma e importante ação do desenvolvimento do setor para a cidade e também para a Região Metropolitana.

 

"A gente entende que o turismo deve ser feito somando forças entre as cidades. Somente assim teremos um produto mais atrativo, no qual os visitantes poderão conhecer os pontos turísticos com guia credenciado, num veículo com conforto e, dessa forma, possam falar bem, divulgar a cidade e voltar sempre, trazendo mais pessoas para conhecer a nossa capital, que possui belezas inigualáveis", enfatizou Krohling.

 

Teste

 

Após apresentação do ônibus panorâmico, foi realizado também um passeio de teste pela cidade, saindo da praça Costa Pereira e indo até a praia de Camburi. Nos próximos dias, de acordo com a empresa Capixaba Turismo, que prestará o serviço de city tour, ocorrerão novos testes pelas vias da cidade para ajustes.

 

Serviço de city tour contará com informações de um guia turístico para falar acerca de cada atrativo da capital.

 

"Precisamos ainda fazer um mapeamento de quilometragem, tempo de parada e tempo de permanência em cada ponto turístico para que possam ser definidos o roteiro final, o dia e o horário de saída, bem como o preço a ser oferecido", afirmou o proprietário da Capixaba Turismo, Gustavo André.

 

De acordo com Gustavo, já estão previstas saídas às quartas, aos sábados e aos domingos, assim como nos feriados. Esses dias foram escolhidos para minimizar o impacto do veículo nas vias públicas da cidade. À medida que a demanda for aumentando, será possível também fazer passeios em outros dias da semana, bem como implementar mais saídas por dia, de acordo com a empresa.

"A gente espera no feriadão de Corpus Christi fazer a primeira saída comercial com o ônibus panorâmico", disse.

 

 

 

Decreto

 

Decreto publicado no ano passado permite que empresas que tiverem interesse em operar o serviço possam dar entrada no pedido na Prefeitura. O serviço só pode ser prestado por transportadoras turísticas e por agências de turismo com frota própria, devidamente cadastradas no Ministério do Turismo.

 

No ano passado, uma outra empresa de transporte turístico também solicitou cadastramento, mas ainda não começou a operar porque o ônibus, que é montado de forma diferenciada para cada cidade, está sendo fabricado.

 

 

 

 

 

 

 

 

*Redação IOL

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Últimas Notícias

TV IOL- Canal Livre

Divirta-se

MONTE O MAPA DO BRASIL

Colunistas

Destaques






Previsão do Tempo

Dicas das Estradas

Parceiros do IOL